A união que faz a força

“Comece a fazer o que é necessário, depois o que é possível e de repente estarás fazendo o impossível”. Assim se escreve a história de sucesso da Univens (Cooperativa de Costureiras Unidas Venceremos), de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. São 15 anos de união e de muitas vitórias, conquistadas por um povo que sempre lutou por trabalho e dignidade. Força de vontade, espírito empreendedor e cooperação mútua foram às armas que um grupo de costureiras tinha para vencer o desemprego. Quem sempre esteve acompanhando de perto o trabalho e participando ativamente foi a diretora do Difesol (Departamento de Incentivo e Fomento à Economia Solidária) do governo do Rio Grande do Sul, Nelsa Fabian Nespolo.
As etapas para conquistar uma sede própria foram muitas, com início da produção no salão da capela, em 1996, até a incubadora popular em prédio público, em 1999. As decisões entre as cooperadas são tomadas de forma coletiva, forma de produção também é debatida entre todas, além do salário que é recebido de maneira justa e solidária. O trabalho ajudou ainda a fazer com que as costureiras se valorizassem mais como mulheres e como profissionais.
Durante o primeiro, o segundo e o terceiro Fórum Social Mundial, o mundo ficou pequeno para elas. Pessoas de todo o mundo as visitaram e suas camisetas se espalharam pelo planeta, confeccionadas com o mais puro algodão. Com a inserção da cooperativa em espaços da economia solidária foi possível tecer uma rede de produção sustentável e ecológica, a Justa Trama.
Assista essa emocionante história clicando no vídeo abaixo.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM