Agricultura familiar é destaque no maior evento de gastronomia da América Latina

Agricultor familiar mostra a produção. Crédito: MDA.

Agricultor familiar mostra a produção. Crédito: MDA.


Os alimentos produzidos por agricultores familiares não são parte apenas da mesa dos brasileiros. Eles também têm sido a escolha de Chefs de grandes restaurantes no País. E com o objetivo de aproximar ainda mais esses famosos cozinheiros dos agricultores, um evento será realizado de 3 a 5 de novembro em São Paulo: a Semana Mesa 2014, considerado o maior encontro de enogastronomia do País. O mote deste ano é A conexão essencial: o produtor familiar e a cozinha. Cerca de 90 chefs de cozinha do Brasil devem participar.
“Quando um chef de renome passa a incluir na elaboração dos pratos itens da agricultura familiar, ele reconhece a qualidade desses produtos, o diferencial da produção artesanal. Isso valoriza o trabalho do agricultor familiar”, avalia o diretor de Geração de Renda e Agregação de Valor, da Secretaria da Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário (SAF/MDA), Onaur Ruano. Segundo ele, a crescente utilização de produtos da agricultura familiar em restaurantes famosos demonstra “a qualidade dos produtos e o correto cumprimento de todas as normas que garantem a segurança sanitária.”
Para o chef gaúcho Carlos Kristensen, utilizar produtos da agricultura familiar é uma tendência que veio para ficar. “A gastronomia está vivendo um momento que nunca tivemos antes. Mudamos o paradigma de que o importado é melhor. Hoje, colocamos o produto local em primeiro plano. E ai a aproximação com os agricultores é fundamental para termos um produto orgânico, artesanal e de alta qualidade”, comenta o chef, ao pontuar sobre o acesso a produtos locais. “Como cozinheiro, posso fazer uma conexão, uma rede, unindo quem produz, quem prepara e quem consome. Todo mundo sai ganhando”, conclui ao destacar que a riqueza do Brasil passa também por sua culinária e pela valorização dos produtos e receitas locais.
Uma das beneficiadas pela parceria entre agricultura familiar e gastronomia é Romilda Grimm Hax, 74 anos, de São Lourenço do Sul (RS). Ela comercializa, metade da produção de peitos de gansos criados soltos, curados no sal e defumados, para o restaurante de Kristensen. “Antes a gente fazia só para o consumo da família e para alguns vizinhos, mas as pessoas foram provando e gostando. Agora que o produto ficou mais conhecido cresceu a demanda,” explica a agricultora familiar que no ano passado adquiriu um veículo pelo Mais Alimentos, programa do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). “O furgão ajuda na feira, porque é um carro melhor, mais confortável e mais econômico. O Pronaf também me ajudou muito. Com o programa consegui melhorar a sala de embutidos, comprei novilhos. Tudo com o apoio da Emater. Mas quero mais, porque a gente sempre tem o que melhorar”, observa.
No evento, que tem a expectativa de contar com cerca de 14 mil participantes, além do compartilhamento de experiências, haverá palestras e espaço para divulgação de trabalhos e de criações culinárias.

Sabia mais sobre a Semana Mesa 2014
Serviço
Semana Mesa SP “A conexão essencial: o produtor familiar e a cozinha”
Data: 03 a 05 de novembro (segunda a quarta-feira)
Hora: 15h às 22h
Local: Centro de Convenções do Centro Universitário Senac – Campus Santo Amaro – Avenida Engenheiro Eusébio Stevaux, 823 – Santo Amaro – SP
Fonte: MDA.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM