Arildo Mota Lopes é reeleito presidente da UNISOL Brasil

Foi eleita na tarde desta sexta-feira, 23, a nova direção executiva da UNISOL Brasil para mandato até 2015. O evento encerrou as atividades do Seminário Nacional e 3º Congresso da instituição, que foi realizado no Cenforpe Ruth Cardoso, em São Bernardo do Campo. Foi formada apenas uma chapa, que por unanimidade reelegeu Arildo Mota Lopes, presidente da Central de Cooperativas.
Lopes contará com auxílio extra durante os três anos que ficará à frente da entidade. Na ocasião, foi criada a vice-presidência, que será ocupada por Luiz Carlos Simion, coordenador geral da Rede Terra. A secretaria geral da instituição será assumida por Gilson Gonçalves, até então tesoureiro, cargo que será ocupado por Marcelo Rodrigues.
Entre os nomes que fazem parte do novo conselho da UNISOL Brasil estão: Teonílio Monteiro, o Barba, como diretor adjunto; Núbia Neves dos Santos, diretora executiva; Neli Souza Silva Medeiros, diretora executiva; Cláudio Domingos, secretário de formação; Clóvis Eduardo Aguiar da Silva, secretário de Resíduos Sólidos; Miriam Pocebon, secretária dos setoriais; Israel de Oliveira Santos, secretário da Agricultura Familiar; Maysa Motta Gadelha, secretária de Inovação e Tecnologia; Magda de Souza Almeida, secretária de políticas afirmativas.
De acordo com Lopes, o desafio que fica é consolidar os mais de 700 empreendimentos filiados à base da UNISOL Brasil e avançar nos estados – pelo fato de existir empreendimentos que não fazem parte de centrais de cooperação. “Fico feliz em contar com companheiros de todas as regiões do País para fortalecer a UNISOL. Nestes três anos avançamos na Lei Geral da Economia Solidária, considerada grande conquista. No entanto, precisamos prosseguir na modernização da Lei Geral do Cooperativismo, de 1971”, observou. Lopes ainda deixou claro que a lição que fica é a democracia entre os participantes e o avanço nas diretrizes estratégicas.
Assim que assumir a vice-presidência, Simion pretende formar um elo entre o debate da Economia Solidária com a zona rural, em demandas, necessidades, processamentos de produtos, entre outros. “Para os próximos anos queremos ainda discutir o cooperativismo como marco regulatório”, disse o representante, que é oriundo da Agricultura Familiar, setor que representa um grande núcleo de empreendimentos em todo o País.
Como novo secretário geral da UNISOL, Gonçalves dará continuidade a alguns projetos que já foram iniciados em áreas como Inovação, Agricultura Familiar e Reciclagem. “Uma das propostas é nos reunirmos de três a seis meses para uma avaliação de gestão, nos aproximando ainda mais de quem faz evoluir a Economia Solidária”, explicou.
Ocupando outra função, Rodrigues destaca que a disposição de ajudar a UNISOL continuará a mesma, mas com foco diferente. Ele trabalhará em parceria com Gonçalves, ex-tesoureiro, com projetos que atendem o aumento da captação de recursos e a contribuição dos empreendimentos para potencializar a autonomia da instituição. “Faremos o debate da valorização da Economia Solidária no campo social em respeito à dignidade humana, além de desenvolver ainda mais a capacidade que temos de gerar renda, buscando avançar nos processos de industrialização, trabalhar o acesso ao mercado e articular com parceiros”, salientou.
Confira os eleitos para assumir os setoriais da UNISOL Brasil:
Reciclagem – Marineide Alves dos Santos (SP)
Confecção e Têxtil – Maria Helena (CE)
Turismo – Ayrton Violento (RJ)
Metalurgia e Polímeros – Brucce Oliveira (SC)
Alimentação – Rosivan Caetano (AC)
Cooperativismo Social – Leonardo Pinho (SP)
Artesanato – Isabel Cristina Alves (SP)
Agricultura Familiar – Vitor Carlos Neves (MS)
Apicultura – Edmilson Nunes da Costa (PI)
Construção Civil – Ivânio Dickmann (SP)
Fruticultura – Vicente Rufino (PI)
Confira os coordenadores regionais eleitos:
Norte 1 – Daniel Guimarães Lima (PA)
Norte 2 – Vera Lúcia da Silva Santos (AC)
Nordeste 1 – Lucas Pereira da Silva (CE)
Nordeste 2 – Maria Nazaré dos Santos Barbosa (PB)
Centro-Oeste – Sidney Oregário Marques (GO)
Sudeste – Geilson da Silva (RJ)
Sul – Amanda Sanches Alves (RS)
Confira os coordenadores regionais eleitos:
Titulares do Conselho Fiscal:
Iraneide da Silva Souza (MG)
Moisés Agdo de Souza (SP)
Eucélia Aparecida (SP)
Suplentes do Conselho Fiscal:
Claudemiro de Jesus (BH)
José de Anchieta (PI)
Robson José do Nascimento (PE)

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM