BNDES disponibiliza recursos para cooperativas em estruturação

Programa do BNDES possibilita obtenção de recursos para estruturação de empreendimentos

Programa do BNDES possibilita obtenção de recursos para estruturação de empreendimentos


Cooperativas industriais formadas a partir de falência ou fechamento de unidades produtivas podem conseguir financiamento do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Trata-se do Pacea (Programa de Apoio à Consolidação de Empreendimentos Autogestionários), que é voltado para a obtenção de recursos para estruturação dos empreendimentos.
Os recursos do Pacea podem ser direcionados para a compra dos ativos (máquinas e planta industrial) da empresa anterior, aquisição de novas máquinas, veículos e reforma de equipamentos. Obras, estudos e projetos de engenharia, assim como cursos de capacitação profissional também são financiáveis pelo programa.
Cláudio Domingos da Silva, secretário de Formação da Unisol Brasil, explica que neste ano o programa sofreu uma modificação com o objetivo de permitir a compra de cotas de capital da empresa. “Neste caso, os próprios cooperados é que tomam esse financiamento, com o objetivo de investir esses recursos na cooperativa”, informa.
No processo de concessão do crédito os empreendimentos precisam provar que tem uma gestão eficiente e são economicamente viáveis. Esse processo inclui uma visita técnica do BNDES às cooperativas. “A empresa precisa mostrar que tem uma preocupação com os custos. Que a direção é transparente e exista a participação de todos os cooperados nas decisões”, ressalta.
O valor máximo permitido para o financiamento pode chegar a R$ 30 milhões. A Unisol presta auxílio às cooperativas filiadas nesse processo de obtenção de recursos. O apoio inclui direcionamentos para definir as prioridades do negócio, possíveis mudanças, além de assistência técnica na produção do projeto de requisição dos recursos.
E você? já conhecia o Pacea? Responda a pesquisa abaixo:
[poll id=”6″]

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM