Casa Apis, Comapi e Cocajupi negociam com Wal-Mart e Pão de Açúcar

Nas próximas semanas, produtos da Casa Apis (Central de Cooperativas Apícolas do Semi-árido Brasileiro), Comapi (Cooperativa Mista dos Apicultores da Micro Região de Simplício Mendes) e Cocajupi (Central de Cooperativas de Cajucultores do Estado do Piauí) estarão nas prateleiras de duas importantes redes de supermercados: o Wal-Mart e Pão de Açúcar. A informação foi dada pelo gerente de projetos de agronegócios do Sebrae Piauí, Francisco Holanda, durante a sétima edição do evento Piauí Sampa, realizado no Shopping Eldorado, de 8 a 14 de agosto.
De acordo com Holanda, as negociações foram feitas inicialmente com o Wal-Mart e Pão de Açúcar da região Nordeste, que em breve comercializará os produtos. Também foi acordada a venda de castanha de caju, mel e cajuína nas mesmas redes de supermercados em São Paulo. “Nossa proposta é abrir mercado para as empresas que o Sebrae apóia junto a outros parceiros e consolidar a Casa Apis, Comapi e Cocajupi em todo o País”, disse Holanda.
Durante o Piauí Sampa ficou clara a aceitação dos produtos das cooperativas pelos paulistanos. Para o gerente administrativo da Comapi, Paulo José da Silva, o mel é o carro chefe. Outro sucesso é o gergelim orgânico que, apesar de novo no mercado, teve boa aceitação. “Nossa maior conquista este ano foi superar as 400 toneladas de mel produzido e a confirmação da certificação orgânica. Até o fim do ano vamos preparar e lançar mel com florada única e em embalagem diferenciada”, anunciou Silva.
O gerente administrativo da Cocajupi, Luiz Eduardo, mencionou que os produtos da cooperativa é um diferencial em São Paulo e faz questão de apresentar ao público a maneira como o empreendimento é gerido nos moldes da Economia Solidária. “A partir de outubro vamos incluir novo produto no mercado. Agora a cajuína fará parte da lista de itens que já comercializamos”, informou.
A Casa Apis, que recebeu título como a quarta maior exportadora de mel do País em junho deste ano, busca agora novas parcerias em São Paulo e nos demais estados para divulgação da marca. “Atingir a quarta posição no ranking é uma grande conquista para um empreendimento da Economia Solidária. De janeiro a junho de 2011 exportamos 310 toneladas e no segundo semestre a expectativa é chegar a 600 toneladas”, ressaltou o gerente comercial da Casa Apis, Wellington Dantas.
Durante as reuniões que ocorreram em paralelo ao Piauí Sampa, o coordenador geral da UNISOL Brasil, Alexandre Antonio da Silva, aproveitou para conversar com os representantes das três cooperativas.
Piauí Sampa – Contou com a participação de 70 empresas piauienses, cuja expectativa é movimentar cerca de R$ 2 milhões nos próximos seis meses. A semana começou com rodadas de negócios nas áreas do artesanato, turismo e reuniões empresariais no setor de agronegócios. A mostra é uma realização do Sebrae Piauí, em parceria com o Sebrae Nacional e patrocínio do Governo do Estado, Prefeitura Municipal de Teresina, Governo Federal, Banco do Nordeste e Banco do Brasil.
Clique aqui e confira o que a mídia publicou sobre o assunto.
[nggallery id=18]

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM