Catadores de resíduos sólidos têm até 6 de setembro para pedir verba ao governo federal

Terceira fase do projeto foi apresentado no último dia 31, em Brasília

Terceira fase do projeto foi apresentado no último dia 31, em Brasília


Associações e cooperativas de catadores de resíduos sólidos interessadas em receber recursos para incrementar seus negócios podem se inscrever na Secretaria Geral da Presidência da República até o dia 6 de setembro. O programa chamado de Cataforte 3 foi criado pelo governo federal para direcionar R$ 200 milhões em projetos de fortalecimento e estruturação de 35 empreendimentos do setor. Os recursos deverão ser aplicados em capacitação e formação de catadores, aquisição de equipamentos, obras de infraestrutura e investimentos em inovação.
Estão habilitadas a participar da seleção pública cooperativas, associações e centrais de cooperativas constituídas há pelo menos três anos. Cada grupo poderá apresentar apenas uma proposta para convencer os técnicos do governo federal a liberar uma fatia do total de recursos ao seu empreendimento. Caso uma empresa faça parte de uma rede, seu representante tem a opção de apresentar o projeto sozinho ou por meio do grupo.
O edital contempla duas modalidades. A ‘A’ é a própria empresa que busca diretamente um determinado recurso. A categoria ‘B’ são os fomentadores de cooperativas, ou seja , integram os representantes de empreendimentos que visam a alavancar outras cooperativas. Os proponentes poderão concorrer nas modalidades ‘A’ ou ‘A e B’.
Outras informações e o edital da seleção podem ser encontrados no site da Secretaria Geral da Presidência. A divulgação do resultado preliminar da seleção ocorre 20 de setembro, no Diário Oficial da União e no site da Secretaria Geral. O resultado final será divulgado no dia 30 de setembro.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM