Cocajupi vai vender castanha nas sedes da Copa do Mundo

Cocajupí

A Cocajupi (Central de Cooperativas de Cajucultores do Piauí) foi umas das 113 empresas selecionadas para participar do Projeto Talentos do Brasil Rural. Por meio da iniciativa, realizada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário em parceria com a Caixa Econômica Federal e o Sebrae, a cooperativa vai comercializar castanha de caju e derivados nas cidades-sede da Copa do Mundo.

Para atender a demanda, a cooperativa vai produzir cinco toneladas de castanhas. Está prevista ainda a comercialização de produtos como a cajuína (bebiba sem álcool produzida a partir do suco de cajú) e a polpa da fruta. O processo de seleção de empreendimentos começou em 2010. Após a inclusão da Cocajupi no projeto, o empreendimento recebeu cursos e consultorias por parte do Sebrae do Piauí, com o objetivo de otimizar a gestão.
“Avançamos bastante na gestão do negócio e no controle de produção. Esses fatores contribuíram para o reconhecimento da nossa entidade”, avalia Jocibel Belchior Bezerra, presidente da cooperativa.
Afiliada à UNISOL Brasil desde 2005, o empreendimento conta atualmente com mais de 450 associados. A Cocajupi fornece produtos para grandes redes de supermercados, além de exportar parte da sua produção para a Itália.
Com informações da Agência Sebrae de Notícias

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM