Ecouni deve contribuir por uma São Bernardo do Campo mais sustentável

SBCVR-2Quinta-feira, 18 de abril de 2013 – A convite da Prefeitura de São Bernardo do Campo-SP, a UNISOL Brasil se reuniu com representantes do município e da SBC Valorização de Resíduos (SBCVR), uma Parceria Público-Privada responsável por cuidar da limpeza urbana e fazer com que o espaço público se mantenha limpo e bem cuidado.
Na oportunidade, foram apresentados os conceitos da Ecouni, marca de produtos sustentáveis da UNISOL Brasil, e parte do seu portfólio. A ideia da SBCVR é a utilização de produtos com design diferenciado e que utilizem materiais reciclados e recicláveis nos contentores e lixeiras que serão colocadas na cidade. Deve-se atingir no decorrer do ano de 2013 a colocação de 8.000 lixeiras que são acopladas nos postes.
Segundo Gilson Gonçalves, secretário geral da Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários, “os conceitos da Ecouni respondem aos anseios das SBCVR e da prefeitura de São Bernardo do Campo, por esta razão acredito que em breve teremos produtos Ecouni contribuindo com uma São Bernardo sustentável”.
Outro ponto importante foi colocado por Marco Seixas, diretor superintendente da SBCVR, “podemos fechar um ciclo que se inicia com a coleta e triagem dos materiais plásticos e termina com o consumo deste material nos próprios produtos da SBCVR, desta forma valorizamos as cooperativas da cidade de São Bernardo”.
A apresentação da Cidade Solidária e Sustentável, projeto da Ecouni que visa valorizar os mais diversos conceitos de sustentabilidade e inovação dentro do espaço das cidades mereceu atenção da prefeitura de São Bernardo do Campo. Mauricio Cardoso, diretor de limpeza urbana da secretaria de serviços urbanos, comentou que “é possível investirmos no futuro em unidades industriais de reciclagem que moam, granulam e até mesmo produzam o produto final com grande valor agregado”.
Os produtos e projetos da Ecouni serão avaliados pelas áreas técnicas da SBCVR e brevemente novas reuniões serão agendadas pra avançar nas possíveis alterações e melhorias necessárias visando alcançar aos cidadãos.
Leia mais sobre a Ecouni clicando aqui.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM