Empreendedoras têm até 15 de setembro para participarem do Prêmio Mulher de Negócios

Brasília – Até o dia 15 de setembro, empreendedoras de todo o País podem participar do Prêmio Mulher de Negócios. A iniciativa tem como objetivo divulgar ações bem-sucedidas gerenciadas por mulheres ou grupos de mulheres que sirvam de exemplo para quem deseja abrir um negócio. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nos pontos de atendimento do Sebrae ou pelo site www.mulherdenegocios.sebrae.com.br.
 
As candidatas podem concorrer em duas categorias: pequenos negócios, para Proprietárias de Micro e Pequenas Empresas que estejam estabelecidas formalmente há, no mínimo, um ano, e Negócios Coletivos, para participantes de grupos de produção formal, compreendendo cooperativas e associações de pequenos negócios produtivos com geração de trabalho e renda, e que também estejam estabelecidas formalmente há, no mínimo, um ano.
 
O processo de julgamento é composto pelas etapas estadual, regional e nacional. Na primeira, de avaliação estadual, as histórias inscritas são pontuadas por uma equipe do Sebrae e de instituições parceiras. Depois disso, a equipe visita o empreendimento para confirmar as informações prestadas nos relatos. A comissão julgadora estadual selecionará 54 histórias, sendo duas por estado, uma em cada categoria.
 
Capacidade de superar desafios
 
Na avaliação regional, todas as histórias de empreendedoras selecionadas na etapa estadual serão avaliadas e selecionadas por uma comissão julgadora regional para a escolha de 20 finalistas, ou seja, quatro por região, duas em cada categoria. Os nomes das ganhadoras por região, de cada categoria, serão divulgados em abril de 2011.
 
Os prêmios são troféus de reconhecimento, certificados de premiação, cursos e consultorias, viagem para capacitação em território nacional, reservada às ganhadoras regionais, além de viagem internacional a um centro de referência em empreendedorismo para as vencedoras nacionais.
 
De acordo com Maria Del Carmen Stepanenko, coordenadora do Prêmio Mulher de Negócios no Sebrae, o objetivo da iniciativa é evidenciar o espírito empreendedor da mulher e utilizar seus relatos como ferramenta educacional e de incentivo. “Para julgamento dos relatos serão avaliados aspectos como capacidade de superar desafios, atuação inovadora e inspiradora, comportamento ético, participação ativa no negócio e contribuição para o desenvolvimento de outras empreendedoras”, diz.
 
Esta é a sétima edição do prêmio, realizado pelo Sebrae em parceria com a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais do Brasil (BPW) e Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). Na sua primeira edição, em 2004, 700 histórias de sucesso participaram do prêmio e, em 2009, quase 3,1 mil mulheres se inscreveram.
 
Fonte: Agência Sebrae de Notícias
 

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM