Evento valoriza inventos de práticas agrícolas

Foto: Eduardo Aigner/MDA

Mais de cinco mil agricultores familiares e visitantes participaram da 3ª Mostra de Máquinas e inventos para Agricultura Familiar, que aconteceu na semana passada, em Pelotas (RS). O evento contou com seminários técnicos que possibilitaram o debate, o diálogo e o intercâmbio de informações entre agricultores, técnicos, pesquisadores, e representantes de entidades públicas e privadas.
Durante a abertura oficial do evento, na sexta-feira (9), o secretário Nacional da Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Valter Bianchini, representando o ministro do MDA Miguel Rossetto falou sobre a mostra. “A mecanização e a automação são importantes na agricultura familiar porque aumenta a produtividade e atendem demandas das famílias que precisam diversificar e produzir cada vez mais. O evento contribuiu muito com a renda e a organização do trabalho do agricultor familiar, além de incentivar a elaboração ou adaptação de máquinas que facilitam suas práticas agrícolas”, assinala Bianchini.
No encontro, aconteceu a premiação dos agricultores-expositores, além de exposição de inovações tecnológicas de universidades, empresas de extensão rural, cooperativas, sindicatos e outras instituições.
Na oportunidade, a Embrapa inaugurou o Centro de Capacitação de Agricultores Familiares (Cecaf), com o apoio do MDA. O espaço fica na Estação Experimental da Cascata. A Unidade de Pesquisas é considerada referência em agricultura familiar e agroecologia. Cerca de três mil agricultores familiares, assentados e extensionistas, que buscam apoio junto a Embrapa anualmente, serão beneficiados com formação técnica e profissional.
“Que essa ideia se multiplique em várias unidades da Embrapa, já que faz parte do Programa Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e da Agência Nacional de Ater (Anater) intensificar a articulação entre a extensão e a pesquisa, além de um crescente investimento em qualificação, aprimoramento e o intercâmbio de conhecimento”, acrescenta o secretário Valter Bianchini.
Fonte: MDA

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM