Nesta terça 12 de maio teve nova reunião na capital paulista para discutir a Economia Criativa

Economia Criativa reuniao

O projeto Economia Solidária como Estratégia de Desenvolvimento tem a SDTE como protagonista principal, execução da UNISOL Brasil e parcerias das Rede das Casas da Cultura Hip Hop, Secretaria de Desenvolvimento Trabalho e Emprego (SDTE) da Prefeitura Municipal de São Paulo (PMSP), MH2R, UPM e Hip Hop Mulher.

A Unisol Brasil está amplamente envolvida na iniciativa da Economia Criativa, trabalhando com questões de base. Buscando os detalhes e dificuldades que surgem à partir da vivência com a comunidade, as ações tem focado esta base de criadores, artistas independentes, artesãos e demais profissionais. Da mesma forma, tem envolvido esta ‘base’ nos projetos.
Estão sendo construídas as possibilidades objetivas e concretas de intervenção, de forma decisiva, nos coletivos e nos indivíduos, por meio de um trabalho para construir ações em rede. O projeto de fomento à Economia Criativa prevê assessorias e subsídios nas principais áreas de conflitos que impendem o avanço qualitativo e quantitativo dos fazedores e mantenedores das culturas.
A curto prazo, o planejamento é atuar nas assessorias contábil, jurídica, de comunicação (imprensa, desenvolvimento de marcas e etc), no plano de negócios (organização, captação de recursos, produção, distribuição e gerenciamento de produtos culturais e outros relacionados), além de demandas específicas e a partir das realidades locais.

O objetivo fim e a grande meta do projeto é a consolidação da Economia Solidária como vertente principal de uma política pública estratégica de desenvolvimento sócio econômico de empreendimentos em toda a cidade.
A reunião para novas discussões ocorreu dia 12/05, às 14h, na Galeria Olido, 8º andar. Participe das próximas e nos ajude a construir uma sociedade mais justa, solidária, educadora e socialista, a partir de uma outra economia que já acontece.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM