Impressora 3D faz sucesso em projeto social

Alex Garcia, à direita, destaca que os participantes ficam surpresos ao verem o que a impressora faz

Alex Garcia, à direita, destaca que os participantes ficam surpresos ao verem o que a impressora faz


Uma impressora 3D da Metamáquina é uma das ferramentas utilizadas em um projeto de inclusão digital realizado pela Associação Fab Lab Brasil e a prefeitura de Guarulhos (SP). O projeto, conhecido como Fab Social, realiza workshops nos CEUs (Centros de Educação Unificados) da cidade e têm como objetivos estimular por meio de workshops o interesse na educação e na montagem de centros de fabricação social.
“Os participantes ficam surpresos ao verem o que a máquina é capaz e se interessam ainda mais ao saberem que aquele é um equipamento fabricado e projetado no Brasil”, destaca Alex Garcia, responsável pelo projeto em Guarulhos.
No momento, a operação da impressora ainda é de responsabilidade de Garcia. A intenção, porém, é que os próprios participantes do projeto passem a utilizar o equipamento para imprimir objetos projetados por eles mesmos. “Falta para isso um software livre de produção 3D que seja de fácil manuseio”, completa.
A Associação Fab Lab Brasil é uma organização sem fins lucrativos que tem o objetivo de propagar a construção de laboratórios de fabricação, locais que permitem a invenção de itens e objetos por meio das ferramentas digitais.
Filiada à Unisol Brasil desde o início deste ano, a Metamáquina já comercializou mais de 100 impressoras 3D. O principal destaque do equipamento é o custo baixo de aquisição, R$ 3,9 mil, menos de metade do valor pedido por um equipamento similar no mercado.
 

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM