Redesol assina convênio com a Funasa

Gilson Queiroz, da Funasa, quarto da esquerda para direita (sentado) e Neli Medeiros, última à direita (sentada) durante evento de de assinatura do convênio

Gilson Queiroz, da Funasa, quarto da esquerda para direita (sentado) e Neli Medeiros, última à direita (sentada) durante evento de de assinatura do convênio


Contemplada no projeto do governo federal Cataforte 3, a Redesol (Cooperativa Central Rede Solidária dos Trabalhadores de Materiais Recicláveis de Minas Gerais) assinou com a Funasa (Fundação Nacional da Saúde) convênio para apoio aos catadores. A cooperativa vai receber recursos na forma de máquinas e equipamentos totalizando R$ 131.893.
Além da Funasa, o projeto Cataforte 3 envolve parceria com a Secretaria Geral da Presidência da República, com o Ministério do Trabalho e Emprego, Banco do Brasil e BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social). O objetivo do programa é fortalecer e estruturar empreendimentos de catadores de materiais recicláveis.
Segundo a presidente da Redesol, Neli Medeiros, cooperativas filiadas serão diretamente beneficiadas com o Cataforte 3. “Por meio desse projeto, poderemos ajudar até 11 empreendimentos”, comentou a dirigente da Redesol.
A assinatura do convênio aconteceu em janeiro com a participação do presidente da Funasa, Gilson Queiroz, de Neli Medeiros, de representantes de associações e cooperativas filiadas à Redesol e demais parceiros.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM