UNISOL Brasil apoia Conferência Rio + 20

Marcada para acontecer de 28 de maio a 6 de junho de 2012, no Rio de Janeiro, a Rio+20 – Conferência das Nações Unidas em Desenvolvimento Sustentável, já ganha o apoio da UNISOL Brasil. Para estabelecer posicionamento comum em auxílio ao governo brasileiro para a Conferência e cooperar com o estabelecimento de compromisso político com o desenvolvimento sustentável, a central de cooperativas ao lado da  CDES (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social) e de outras entidades da sociedade civil criou o documento “Acordo para o Desenvolvimento Sustentável”.
A contribuição do Conselho e das 70 instituições que subscreveram o documento – organizações sociais, ambientais, acadêmicas, empresariais e de trabalhadores – foi encaminhada no dia 6 de outubro à ministra do Meio Ambiente Izabella Teixeira e ao ministro das Relações Exteriores Antonio Patriota, co-presidentes da Comissão Nacional Organizadora da Rio+20.
O Conselho começou a debater o tema do desenvolvimento sustentável em 2010, quando participou de reunião com o Ministério das Relações Exteriores para debater a participação brasileira na Conferência Rio+20. Para os conselheiros e conselheiras e demais entidades que subscrevem o acordo, o histórico de mobilizações nacionais e internacionais sobre meio ambiente nos últimos 20 anos, em contraposição ao grande déficit de implementação das diversas recomendações produzidas, apontam para a necessidade de construção de um compromisso político com o desenvolvimento sustentável durante a Rio+20.
Além dos resultados esperados, o acordo ainda faz análise dos avanços e impasses surgidos desde a Rio 92; enumera estratégias para alcançar o desenvolvimento sustentável, que incluem desde a elaboração de agendas nacionais, passando pelo estabelecimento de um novo padrão de produção e consumo e chegando a novos indicadores de desenvolvimento; e discorre ainda sobre a importância de se estabelecer nova governança para o desenvolvimento sustentável.
Para conferir o documento na íntegra clique aqui.
Com apoio da Assessoria de Imprensa da CDES.

Publicar um comentário

SIGA A GENTE NO INSTAGRAM